Cirurgia vaginal: 4 benefícios ao realizar o procedimento

Cirurgia vaginal: 4 benefícios ao realizar o procedimento

Ser mulher é lidar o tempo inteiro com as pressões da sociedade: “faça plástica, fique bonita”, “beleza real é a beleza natural”, “não seja vulgar”, “mulher tem que ser assim”… Parece que nunca dá para agradar, não é mesmo? Por isso, mais do que nunca, é o momento da mulher olhar para si mesma e escutar apenas seu coração.

Quer fazer? Faz. Não quer? Não faça, e não se sinta culpada. A mulher carrega culpas e remorsos que não a pertencem (ou não deveriam pertencer) há séculos, e está mais que na hora disso acabar. Então, se por algum motivo seu médico indicou a cirurgia vaginal porque essa é a melhor alternativa para você, nós separamos 4 benefícios do procedimento.

Os 4 benefícios da cirurgia vaginal

É interessante saber que a cirurgia é uma das opções existentes dentre os vários outros tratamentos alternativos e menos invasivos para casos em que as pacientes já procuram pelo procedimento. Seu médico de confiança já descartou outras opções como tratamento íntimo a laser? Converse sobre seus principais incômodos, os prós e contras da cirurgia, sobre outras alternativas, e pense com calma para realizar a melhor escolha.

Diante de tantos tabus que cercam o tema, é interessante você saber as principais informações sobre o procedimento. A cirurgia vaginal pode ser realizada para redução dos pequenos lábios vaginais (ninfoplastia ou labioplastia) ou dos grandes lábios vaginais. E os principais benefícios são:

1. Sentir-se confortável para usar qualquer roupa

É bastante comum entre as pacientes a queixa sobre o uso de determinadas roupas, como biquíni e calças apertadas, que causam desconforto como dor e coceira, e constrangimento. Algumas contam que não trocam de roupa na frente de outras pessoas por não se sentirem à vontade com a área íntima. O sucesso do procedimento traz a possibilidade de vestir aquela calça que você sempre quis ou mesmo ir ao clube e à praia com maior frequência. Outro problema muito comum que o acúmulo de pele flácida dos pequenos lábios causa é a queixa frequente de odor forte, mesmo com higiene rigorosa.

2. Ter uma vida sexual mais ativa

Muitas mulheres reclamam de dor durante a relação íntima e diminuição da libido, já que a disfunção nos lábios vaginais não permite que a relação flua da melhor maneira possível. Com isso, a vida sexual não se estabelece em sua plenitude. Após a cirurgia, as pacientes alegam que essa esfera da vida muda totalmente, pois se sentem mais confiantes, confortáveis e entregues.

Relato de uma paciente: “Antes eu ia ter relação e só me preocupava em ficar “segurando” aquela pele toda que insistia em ir junto”, para não doer, claro. Agora só me preocupo em ter orgasmo. Também morria de medo de meu marido me ver. Mesmo com 10 anos de casada nunca me trocava perto dele e nem me deixava ele me ver na claridade”.

3. Gostar mais de se olhar no espelho

Há casos em que a cirurgia vaginal é realizada “apenas por fins estéticos”, sendo esse motivo duramente criticado. Primeiro, que se for, não há problema algum e, segundo, sabemos que não há nada mais agradável do que olhar no espelho e gostar da imagem que vê. Amar o próprio corpo e ter intimidade com cada área dele é fundamental.

4. Resgatar a autoestima

A autoestima é fator imprescindível à felicidade. E uma pessoa com confiança pode tudo! Sentimentos de inadequação, perda do desejo sexual, isolamento social, depressão, insegurança, desequilíbrio emocional e conflitos internos fazem parte da vida de muitas pessoas com problemas íntimos. Portanto, resgatar a autoestima não tem preço, e muda toda a sua vida.

Cirurgia vaginal: 4 benefícios ao realizar o procedimento
Avalie esta página

2018-08-01T22:21:27+00:00